Ouça a Impactus FM

sábado, 21 de abril de 2018

Principais ocorrências da polícia de Pitanga e Palmital


PITANGA

INFRAÇÃO DE TRANSITO: No dia 20 de abril de 2018 ás 23h40min.

A equipe Policial Militar de serviço durante patrulhamento na Rua Gonçalves Padilha s/n, Bairro Centro, em ação Policial foi visualizado um veículo em atitude suspeita, realizado a abordagem foi identificado o condutor de 24 anos. 

Sendo que o condutor estava com a CNH irregular e o veículo com pendências administrativas. 

Diante dos fatos, foi encaminhado o condutor e o veículo para a 3ª Companhia PM para elaboração dos documentos pertinentes. 

PALMITAL

ATENDIMENTO DE LOCAL DE MORTE/ENFORCAMENTO: No dia 20 de abril de 2018 por volta das 18h00min, a equipe Policial Militar de serviço recebeu solicitações via fone 190.

Dando conta de que um homem havia se enforcado na Rua Souza Leal s/n, Vila Verde. 

No local, a equipe de saúde do pronto socorro do município já se encontrava, e confirmou o óbito no local. 

Identificada a vítima como sendo Romildo de Almeida 50 anos. 

Em conversa com seu irmão, Erondi de Almeida, este relatou que Romildo sofria depressão e fazia tratamento psicológico há alguns anos, e que já havia ameaçado suicidar-se. 

Relata que tinha ido ao mercado e deixado Romildo sozinho em casa, e ao retornar encontrou o mesmo suspenso por uma corda amarrada em seu pescoço, em uma despensa aos fundos da residência. 

Foi acionada a Polícia Civil.

Da Redação/Maria Farias

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Acidente na Rodovia PR 487, envolveu dois veículos com placas de Manoel Ribas e um trator Valtra que arrastava uma tora de eucalipto


No dia 19 de abril, de 2018, às 20 horas, foi registrado um acidente do tipo colisão transversal na Rodovia PR 487, no km 287, entre Manoel Ribas e Bela Vista. 

A batida envolveu um Cobalt conduzido por Jueli Garcia Rosa, de 60 anos, uma F.1000, motorista Silvio Floriano, de 52 anos, ambos os veículos de Manoel Ribas.

E ainda um Trator Valtra, modelo 100, conduzido por Antônio Orlei Stipp, de 45 anos.

 Apesar do susto e dos danos, apenas três pessoas ficaram feridas: Jueli Garcia Rosa, 60 anos; Ivete da Silva Schnekemberg Rosa, de 52 anos, e Juliana Schnekemberg Oliveira Rosa, de 24 anos, as três sem risco de perder a vida.  

Informações extraoficiais são de que o trator estava na pista arrastando uma tora, a qual foi atingida por um dos carros que capotou. 

Da Redação/Maria Farias

Fonte: Blog do Berimbau

Por dinheiro, filho deixa corpo do pai sobre a cama por 5 meses, em Almirante Tamandaré


A desconfiança de familiares levou um dos netos de Shigefu Takahara, 93 anos, até a casa do idoso para tentar ver e conversar com o avô, em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba. 

Havia algo de errado. 

O filho de Takahara, cuidador dele, não deixava que os outros irmãos e netos o visitassem, alegando cansaço, doença e saídas rápidas de casa. 

O neto, de 25 anos, descobriu, na noite desta quinta-feira (19), que – na verdade – o avô estava morto há cinco meses. 

O próprio filho escondia a morte da família, enquanto o benefício do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) continuava a ser pago ao idoso. 

Essa é a principal linha de investigação da polícia para a ocultação da morte de Takahara.

A casa do idoso e do filho cuidador fica nos fundos de um terreno, na rua Colombo, Jardim Walma. 

No começo do mês, uma das netas, de 12 anos, levou um prato de comida até a entrada da casa e foi surpreendida pelo tio, dizendo que ele mesmo entregaria porque o pai estava doente. 

A garota contou aos familiares e o filho disse que ninguém iria ver o idoso, mesmo diante de uma suposta doença. O comportamento dele levou suspeitas.

Na quinta-feira passada, outro neto, de 25 anos, ligou para o tio dizendo que faria uma visita. Para evitar encontrá-lo e já sem desculpas, o homem fugiu e trancou a casa. 

Familiares passaram a crer que o idoso estivesse viajado com o filho. No entanto, na noite de ontem, o mesmo neto foi até a casa do avô, nos fundos, e passou a procurar a chave da porta de entrada.

Por volta das 21 horas, o neto conseguiu entrar na casa e foi para o quarto do idoso. 

Debaixo do lençol, ele encontrou o cadáver do avô. Ao lado do corpo, havia um ventilador para dissipar o cheiro do corpo em decomposição.

A Polícia Militar (PM) foi acionada e o tenente Ronaldo disse à Banda B que o filho não foi localizado pelos policiais.

 “O neto que chamou, até agora o filho não foi encontrado. De fato, ele estava morto há bastante tempo, a criminalística constatou que ele estava morto, há pelo menos, cinco meses”, finalizou.

A família confirmou que o filho cuidador fazia o recebimento da aposentadoria do pai e que jamais imaginou que o homem estivesse morto. 

A princípio, a perícia confirmou que Takahara teve morte natural. 

No entanto, o filho pode responder por ocultação de cadáver.

Da Redação/Maria Farias


Conselho de Segurança de Turvo realiza a 2ª reunião do ano


No dia 16 de abril estivemos presentes na segunda reunião do ano 2018 do Conselho de Segurança de Turvo. Um dos assuntos em pauta foi sobre boletim de ocorrência. 

O Presidente Dr Eugênio Pereira de Couto fala que é muito importante as denúncias da comunidade porque isso ajuda no trabalho da Polícia. 

Diz que essas ocorrências devem ser registradas em casos de assaltos, ameaças, violência física e furtos porque são crimes que devem ser punidos. 

Portanto, é necessário que o indivíduo registre um boletim de ocorrência, pois isso ajuda os afetados e possíveis futuras vítimas. 

No caso de estabelecimentos como restaurantes, lojas, bancos e comércios em geral, além de ajudar a vítima, auxilia na investigação da polícia, que a partir do momento do registro já está ciente dos acontecimentos e pode direcionar a forma e local de policiamento. 

Diz ainda que algumas pessoas acabam não registrando essas ocorrências ou denúncias, por medo de represália ou quando o criminoso é parente ou amigo próximo, porém é muito importante que essa atitude seja tomada. 

Na sequência foram abordados diversos assuntos que envolvem a segurança em nosso município.

Da Redação/Maria Farias

Fonte: Blog do Elói

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Dois jovens morrem após carro bater contra poste em Londrina no Paraná


Um gravíssimo acidente de trânsito aconteceu na tarde desta quinta-feira (19), no município de Londrina, no Estado do Paraná.

A colisão de um carro contra um poste aconteceu na Rua Angelina Vezozzo, na Zona Norte da cidade.

Várias equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas para prestar atendimentos à ocorrência.

Segundo informações, o condutor do Peugeot seguia pela via quando perdeu o controle da direção e bateu violentamente contra um poste. Os dois ocupantes do carro morreram na hora.

Com a força do impacto, o Peugeot praticamente abraçou o poste, que foi arrancado, sendo que os dois (carro e poste) ficaram destruídos.

Os militares realizaram o desencarceramento dos corpos, que ficaram presos às ferragens.

O instituto do Criminalística e o IML (Instituto Médico Legal) foram mobilizados à ocorrência para tomarem as medidas cabíveis. A Polícia Militar também foi acionada para registrar a ocorrência.

Até o fechamento da matéria, os nomes dos rapazes não haviam sido repassados.

Da Redação/Maria Farias


Acidente envolvendo Honda Biz e caminhão deixa um ferido em Manoel Ribas


Em Manoel Ribas, foi registrado acidente, nesta quinta-feira, dia 19 de abril, de 2018, na Rodovia PR 487, na saída para Cândido e Abreu, próximo ao trevo, mais precisamente no km 295. 

Segundo a Defesa Civil (Bombeiros Comunitários), a batida envolveu um caminhão F.14.000, branco, de Pitanga.

Motorista Antônio Leindecker Slonpo, e uma Motocicleta Honda Biz, que ficou destruída. 

A moto era conduzida por Claudiney Pereira, de 39 anos, que sofreu escoriações e foi socorrido, mas sem risco de perder a vida. 

Ele disse que era morador do Bairro Boa Vista. 

As causas do acidente seriam apuradas. 

Prestaram atendimento na ocorrências os agentes Moriggi e Januário (Bombeiros), e Barreto e Edna do SAMU- Serviço de Entendimento Móvel de Urgência e Emergência. 

Da Redação/Maria Farias

Fonte: Blog do Berimbau


Polícia prende em Guarapuava acusado de liderar quadrilha de estelionatários


Uma quadrilha envolvida na clonagem de cheques foi presa, na manhã de terça-feira (17), durante a operação “Loro”, desencadeada pela Delegacia de Estelionato (DE) de Curitiba. Um homem de 47 anos é apontado como líder desta organização criminosa. Por ser desenhista, ele refazia os cheques com perfeição, adulterando valores e códigos de barras.

O homem foi detido em casa na cidade de Guarapuava. Estima-se que, em pelo menos seis meses, a associação criminosa, por meio da fraude, obteve a quantia superior a R$ 1 milhão. A ação policial foi realizada de forma simultânea nas cidades de Curitiba, Colombo, Londrina, Guarapuava, Camboriú (SC) e Ji- Paraná, em Rondônia (RO), no Norte do Brasil.

Além do publicitário, outras quatro pessoas suspeitas de integrar o bando também foram detidas ao longo da operação. As investigações iniciaram há cerca de seis meses, depois que a especializada realizou a prisão de uma mulher suspeita de aplicar um golpe bancário, descontando cheques clonados. A partir desta prisão, com base nas informações, foi possível identificar o envolvimento de outras pessoas na quadrilha.

De acordo com investigações, o bando conseguia os cheques originais de diversas formas, uma delas era a compra desses cheques com pessoas (normalmente idosas) que estavam em filas nos caixas eletrônicos.

Os cheques originais eram enviados para o líder da quadrilha, preso em Guarapuava, que segundo a polícia, por ser publicitário e desenhista, refazia os cheques com perfeição, adulterando os valores, código de barras e número de série. “Em seguida, os cheques eram enviados para outros membros do bando que tem a função de apresentá-los nos caixas para o desconto”, explicou a delegada-adjunta da DE, Vanessa Alice.

Conforme a delegada, os crimes iniciaram em Curitiba, mas o bando também atuou nos Estados de Minas Gerais (MG), Goiás (GO), São Paulo (SP), Mato Grosso (MT), Mato Grosso do Sul (MS), Rondônia (RO), Santa Catarina (SC), Rio Grande do Sul (RS) e em várias cidades do Paraná (PR). “Somente nesses seis meses de investigações, estima-se que a quadrilha obteve a quantia de R$ 1 milhão”, lembra a delegada.

As investigações apuraram também que o publicitário orientava os demais membros do grupo e possuía um vasto conhecimento sobre operações bancárias e falhas nos sistemas antifraude dos bancos. Outras cinco pessoas já foram identificadas, porém permanecem foragidas.

Ao todo foram cumpridos nove mandados de prisão temporária e 12 de busca e apreensão domiciliar, expedidos pela 14ª Vara Criminal de Curitiba. Durante a operação, as equipes policiais apreenderam diversos documentos falsos, cheques clonados (em processo de confecção), apetrechos para a falsificação, bem como computadores, impressoras de alta resolução e dois carros (Hilux e BMW).

Para o cumprimento dos mandados de prisão, a DE contou com o apoio do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), da Polícia Civil de Londrina, Guarapuava, Roraima (RO) e Camboriú (SC). O nome da operação – Loro – se refere a forma que a quadrilha chamava o cheque.

Os suspeitos responderão pelos crimes de estelionato, falsificação de documento público, associação criminosa e falsidade ideológica. Todos permanecem presos à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: www.centralcultura.com.br

Motorista bêbado que causar acidente com vítima agora tem pena maior


Aprovada em dezembro pela Câmara dos Deputados, a Lei 13.546 sobe para cinco a oito anos de prisão a pena para o homicídio culposo (sem a intenção de tirar a vida) causado sob efeito de álcool ou outras substâncias psicoativas. 

Até agora, a reclusão era de dois a quatro anos. No caso de lesão corporal grave ou gravíssima, a pena, que era de seis meses a dois anos, passa a ser de dois a cinco anos. 

A lei vale apenas para acidentes que tenham vítimas, e não em qualquer caso de embriaguez ao volante.

A elevação das penas significa que não será mais possível que a autoridade policial arbitre uma fiança de imediato, permitindo ao motorista responder em liberdade pelo crime. 

O delegado deverá lavrar o flagrante e encaminhar o caso ao Judiciário. O juiz poderá arbitrar uma fiança.

O objetivo da alteração no Código de Trânsito Brasileiro, que entra em vigor 120 dias após a sanção presidencial, é desencorajar o hábito de dirigir depois de beber ou usar drogas, uma das principais causas de fatalidades nas estradas. 

Conforme a Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), do Ministério da Saúde, 7,3% da população adulta das capitais brasileiras admitiu que dirige após beber. 

Segundo levantamento feito pelo movimento "Não Foi Acidente", de 2009 até o ano passado foram registrados 460 mil casos de morte provocados por motoristas embriagados. Desse universo, apenas 16 motoristas teriam ido para a prisão.

Pela regra anterior, considerada branda, o motorista envolvido em acidentes com vítimas fatais poderia ser enquadrado tanto no homicídio doloso (quando é assumida a intenção de matar) quanto no culposo, dependendo da interpretação dada pela autoridade responsável pela investigação. 

O réu indiciado na categoria de homicídio culposo costumava ser punido apenas com o pagamento de cestas básicas ou serviços comunitários.

— A ideia é acabar com a cesta básica. Nós temos que educar, e punir também é uma maneira de educar — disse a deputada federal Christiane Yared (PR-PR), uma das articuladoras da votação do projeto e mãe de um jovem morto no trânsito.

O advogado Mauricio Januzzi, que colaborou para a redação da lei, afirma que o princípio é deixar claro que "quem dirige e mata responde preso". 

Para ele, a certeza de privação de liberdade é um argumento forte para mudar o comportamento de risco dos motoristas, o que refletiria em uma queda nas mortes. 

As novas regras não alteram o valor da multa ou os limites de álcool permitidos. 

Para configurar crime, o motorista deve apresentar concentração igual ou superior a seis decigramas de álcool por litro de sangue ou igual ou superior a 0,3 miligrama de álcool por litro de ar alveolar. Sinais que indiquem alteração da capacidade psicomotora também podem ser adotados como critério.

Da Redação/Maria Farias


GRAVÍSSIMO ACIDENTE ENVOLVENDO MOTO X ÔNIBUS MATA DUAS PESSOAS


Dois homens morreram após acidente de trânsito no interior do município de Santa Izabel do Oeste. 

A colisão envolveu uma motocicleta e um ônibus escolar, por volta do 12h50 desta quarta-feira (18).

A moto Yamaha YBR 125, placa de Santo Antonio do Sudoeste, seguia pela estrada rural sentido cidade a comunidade Linha Peroba, quando invadiu a pista contrária e colidiu na parte frontal do ônibus Mercedes Benz, placas de Santa Izabel do Oeste. 

Segundo informações de familiares dos envolvidos, o motociclista desviava de um enxame de abelhas.

Os ocupantes da moto, Vanderlei Adão Cordeiro, 38, e Adenilson Santos Dias, 32 anos, foram socorridos pelo SAMU, e devido à gravidade dos ferimentos foram encaminhados ao Hospital Regional de Francisco Beltrão, onde não resistiram às lesões e faleceram. 

As vítimas eram moradores de Santa Izabel do Oeste e se deslocavam para trabalhar numa construção no interior. 

As famílias optaram em realizar a doação dos órgãos.

Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Francisco Beltrão.

A Polícia Militar de Santa Izabel do Oeste registrou a ocorrência.

Da Redação/Maria Farias


Não existe o subtipo “H2N3” de vírus da influenza no Brasil


Essa é uma informação inverídica que está circulando nas mídias sociais. 

Os vírus de influenza que atualmente circulam no Brasil são o influenza A/H1N1pdm09, A/H3N2 e influenza B. 

A vacinação contra gripe, que começa na segunda quinzena de abril, protege contra estes três tipos de vírus.

Saiba mais no Portal Saúde https://bit.ly/2GR1XwT #Vacinar Proteger

Da Redação/Maria Farias







quarta-feira, 18 de abril de 2018

Acidente na PR 466, trecho entre Manoel Ribas e Ivaiporã


Na rodovia PR466, entre Manoel Ribas e Ivaiporã, mais precisamente na Curva que dá acesso ao Bairro Santa Salete.

Ocorreu uma batida envolvendo dois veículos neste dia 18 de abril, de 2018, quarta-feira. 

A colisão foi entre um Fiat Uno Vivace branco, com placas AWD-0435, de Manoel Ribas, que era ocupado por quatro pessoas da família "Lima”, que segundo informações extraoficiais.

Os nomes seriam: Eluína de Lima; Olgacir de Lima; Sabrina de Lima e Ironi de Lima. 

A princípio o carro foi fechado por uma carreta Scania com placas OOM-8779, de Campo Grande - MS, conduzida por Giovane de Souza. 

Danos de pequena monta na carreta, e estragos importante no Uno que tombou na via.

 As vítimas sofreram ferimentos leves e médios.

Da Redação/Maria Farias

Fonte: Blog do Berimbau



Polícia Civil faz operação contra esquema de corrupção na Prefeitura de Luiziana; procurador jurídico é preso


O procurador jurídico da Prefeitura de Luiziana, no centro-oeste do Paraná, e mais oito pessoas foram presas, na manhã desta quarta-feira (18).

Em uma operação da Polícia Civil contra suspeitos de envolvimento em um esquema de corrupção no órgão.

O procurador jurídico do município Thiago Slongo, que também é sobrinho do prefeito Mauro Slongo (PDT), e ex-secretários e ex-diretores municipais são suspeitos de participar do esquema, de acordo com a Polícia Civil.

Veja quem são os investigados:

Thiago Slongo

João Carlos Ribeiro

Noé de Oliveira

Gisele Aparecida Costin Tasca

Rogério Machado da Silva

Célio da Silva

Fernanda Erica de Assis Alves

Aline Santana

Edson Liss

A ação cumpriu nove mandados de prisão temporária, que tem duração de cinco dias, e dez mandados de busca e apreensão.

A Polícia Civil afirmou que a ação criminosa era operada por Thiago Slongo. O advogado dele, Anderson Carraro Hernandes, informou que ainda não teve acesso ao processo e, portanto, não irá se manifestar.

O advogado Andrey Legnani, representante da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Campo Mourão, outro município do centro-oeste, acompanhou a prisão de Thiago Slongo e disse que o procurador pediu sigilo de informações.

Segundo a investigação do Núcleo de Combate a Crimes Econômicos (Nurce), há indícios de "mensalinho" na cidade, que tem cerca de 7,5 mil habitantes.

O que dizem as defesas

O advogado Anderson Carraro Hernandes, que também defende João Carlos Ribeiro, Noé de Oliveira, Gisele Aparecida Costin Tasca, Rogério Machado da Silva e Célio da Silva, informou que ainda não teve acesso ao processo e, por este motivo, não vai se manifestar.

Fernando Rogério Ferraz Jorge, que defende Fernanda Erica de Assis Alves, também disse que não vai manifestar.

O advogado Edmundo Santana, que defende Aline Santana, informou que não vai se manifestar porque ainda não teve acesso ao processo.

O investigado Edson Liss ainda não tem advogado constituído.

Operação Talha

A investigação, de acordo com a Polícia Civil, começou há um ano, após o Nurce receber uma representação da Procuradoria-Geral de Justiça do Ministério Público do Paraná (MP-PR).

A operação recebeu o nome de "Talha" em referência ao tributo ou parte da produção paga pelos vassalos ao senhor feudal.

Cerca de 40 policiais civis cumpriram os mandados judiciais desde as 6h. Além da prefeitura, a polícia também cumpriu mandados de busca em residências dos suspeitos alvos da operação. 

Os mandados foram autorizados pela 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná.

Os presos serão encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Campo Mourão, também no centro-oeste do estado.

Da Redação/Maria Farias





Após roubar carro de autoescola, ladrão bate veículo em Londrina; duas pessoas ficaram feridas


Duas pessoas ficaram feridas em um acidente entre dois carros na manhã desta quarta-feira (18), em Londrina, no norte do Paraná. 

Segundo a Polícia Militar (PM), um dos veículos envolvidos tinha sido roubado minutos antes.

Conforme a PM, o suspeito rendeu uma instrutora e uma aluna de uma autoescola e roubou o veículo em que elas estavam. As duas conseguiram deixar o veículo sem nenhum ferimento.

Depois disso, o criminoso dirigiu o carro roubado pela Avenida Jorge Casoni, na Vila Casoni, região central, na contramão. 

O suspeito bateu o veículo roubado em outro carro ao cruzar a Rua Tupiniquins.

O motorista e a passageira do automóvel que foi atingido ficaram feridos. 

A mulher foi retirada do veículo com a ajuda do Corpo de Bombeiros.

Após a colisão, comerciantes seguraram o suspeito até a chegada de policiais militares. 

O homem não ficou ferido e, após ser preso, foi levado para a Central de Flagrantes.

Da Redação/Maria Farias


Carro da PRF se envolve em acidente na BR-376, duas pessoas ficaram feridas em Curitiba


Um carro da Polícia Rodoviária Federal (PRF) se envolveu em um acidente, com outro veículo, na manhã desta quarta-feira (18) na BR-376, em Curitiba. 

Duas pessoas ficaram feridas: o agente da PRF e a motorista do outro automóvel.

De acordo com a PRF, a batida aconteceu no km 591 da rodovia, no Contorno Sul.

No momento, a PRF prestava atendimento a um acidente no local.

O policial rodoviário federal estava dentro no carro, na hora em que houve a colisão. 

Ele bateu o rosto no painel e foi socorrido pelo Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate), assim como a outra vítima.

Eles foram levados ao Hospital Evangélico. O agente passa bem, e a mulher está em observação, segundo a PRF.

Cones de sinalização

A condutora do veículo disse, conforme a PRF, que não enxergou a sinalização – devido à neblina que havia no horário do acidente, por volta das 6h – e derrubou dois cones. 

Então, acabou colidindo na traseira do carro da PRF.

De acordo com a PRF, os cones estavam no local para o atendimento do acidente anterior.

 A PRF não deu informações sobre esse acidente, apenas que, no momento, os veículos envolvidos não tinham sido removidos do local.

Da Redação/Maria Farias


Sargento Moraes pode ser candidato a Deputado Federal por Pitanga


O Comandante da ROTAM da 3º Cia de Pitanga, Sargento Moraes, tem seu nome cotado para ser candidato da Deputado Federal para as eleições desse ano, três grupos políticos já entraram em contato com o Sargento para iniciar as conversas.

Na noite da última sexta-feira (13), representantes de um grupo político de Curitiba, entraram em contato com Moraes para agendar uma reunião e falar sobre os objetivos do partido para as eleições de 2018.

Existe intenção por parte do grupo em lançar o nome do sargento para concorrer ao pleito de 2018.

Por telefone, o Sargento Moraes disse que tem recebido propostas, mas que até o momento nada de oficial, segundo Moraes, dois grupos políticos de Pitanga já acenaram para conversar, que também, um pré-candidato ao governo do Paraná entrou em contato para uma caminhada eleitoral como candidato a Deputado Estadual, mas o Sargento salientou não ter interesse em concorrer como deputado estadual no momento, mas já no cenário federal não vê impedimento.

O nome do sargento tem grande projeção ao longo dos anos pelo trabalho desenvolvido no centro do Paraná, por ser um policial combatente, que goza de profundo respeito pela população, Moraes tem sido procurado pela ala política, pois tem um perfil de liderança e tem a confiança da população.

No ano de 2016, teve seu nome cotado para concorrer à prefeitura de Pitanga, nessa época, Moraes decidiu não concorrer.

No dia 19 de Março desse ano, o nome do Sargento foi conhecido no cenário Nacional, após comandar uma ação policial que resultou na prisão da maior quadrilha e roubo a bancos do pais, a PM de Pitanga foi enaltecida nos principais canais de TV do Brasil.

Naquela noite de domingo, 30 bandidos fortemente armado iniciaram uma ação assustadora em Pitanga, com objetivo de explodir três agencias bancarias, Sargento Moraes e outros cinco PMs enfrentaram o ataque, resultando em três bandidos mortos, dois baleados, e na sequência a prisão do bando.

Grandes ações policiais no combate ao crime, deram grandes projeções ao trabalho da Policia Militar de Pitanga, com isso, o nome do Sargento vem ganhando força também no cenário político.

Mulher de Atamira do Paraná morre em acidente na PR-364 em Campina da Lagoa


A Polícia Rodoviária Estadual atendeu uma ocorrência de acidente de trânsito com vítima fatal na manhã de hoje (18). 

Infelizmente mais um registrado na Rodovia PR-364 na chamada “Curva do Japonês”, no trecho entre Altamira do Paraná a Campina da Lagoa.

O acidente tirou a vida da Altamirense Iraci Maria Caetano da Silva, moradora da comunidade Água da Onça

Junto com ela estava seu esposo João Batista José Maria, que conduzia o veículo Gol placas AWI 7715.

condutor recebeu os atendimentos médicos e foi encaminhado ao hospital de Campina da Lagoa.

Da Redação/Maria Farias

Fonte: Blog do Menguely


terça-feira, 17 de abril de 2018

Em Santa Maria do Oeste, homem é preso e dois menores aprendidos por posse de droga


SANTA MARIA DO OESTE

ADQUIRIR, VENDER, FORNECER E OU PRODUZIR DROGAS / DROGAS PARA O CONSUMO PESSOAL: Às 14h00min, uma equipe de policiais militares deslocou até a Rua Jose de Franca Pereira, Centro, onde o solicitante mostrou algumas mensagens no celular do seu filho (15), o qual mandou uma fotografia de um cigarro de maconha para outra pessoa. 

Perguntado para o adolescente sobre a fotografia, relatou que é usuário já faz um ano e meio e que sempre vai junto com um homem (18) ao município de Palmital-PR.

Para comprar droga, pois quem faz a compra da droga é o homem, enquanto ele aguarda na praça central. 

Da última vez que foram o adolescente já usou um pouco da droga, junto com o homem e outro adolescente (17) e que havia mais droga em sua residência. 

A equipe deslocou até a residência, onde após buscas, foi localizado no forro da residência, um frasco com substância análoga a maconha, totalizando 5,3 gramas.

Foi também deslocado até a residência do homem, o qual franqueou a entrada da equipe, confirmou os fatos, sendo encontrado em cima de um criado mudo, ao lado da sua cama, dois invólucros de substância análoga a maconha e um dechavador.

Após buscas, foi localizado embaixo de sua cama, mais um invólucro, totalizando 32,4 gramas de maconha. 

Após autorização, foi verificado no celular do envolvido, várias mensagens, áudios e vídeos de posse de maconha, inclusive uma mensagem que o outro adolescente enviou, informando que a polícia havia abordado o primeiro adolescente e era para ele esconder no mato a droga que estaria em sua residência. 

Foi deslocado até onde o outro adolescente estava trabalhando, onde o mesmo confirmou que havia mandado a mensagem, e que em sua residência tinha um invólucro de maconha guardado que havia comprado do homem. 

Foi deslocado até sua residência, sendo localizado na mochila, um invólucro de substância análoga a maconha, totalizado 0,9 gramas. 

Diante dos fatos, a equipe apreendeu as drogas localizadas e os celulares, posteriormente conduziu todos os envolvidos, juntamente com seus genitores, até a 45ª DRP, em Pitanga.

 Da Redação/ Maria Farias

Caminhão sai da pista, bate em barranco e complica trânsito na BR-277 em Guarapuava


O motorista de um caminhão ficou ferido em um acidente nesta terça-feira (17), na altura do Km 365 da BR-277, em Guarapuava. 

O veículo saiu da pista e atingiu um barranco, por volta das 6h.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, nenhum outro veículo se envolveu no acidente e o condutor do caminhão não soube explicar o que aconteceu. 

A vítima teve ferimentos leves e foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento Batel, em Guarapuava.

A pista chegou a ficar parcialmente interditada para a remoção do veículo e permaneceu com trânsito alternado no sistema pare e siga até às 8h15. 

A rodovia já está totalmente liberada.

Da Redação/Maria Farias