segunda-feira, 20 de junho de 2022

OCORRÊNCIAS ATENDIDAS PELAS EQUIPES DE POLÍCIA MILITAR DE PITANGA E LARANJAL

Dano - Ontem, 19 de junho, um homem de 50 anos entrou em contato com a equipe policial relatando que ao chegar à residência percebeu a porta arrombada e pessoas no interior da mesma e que mesmo no escuro, conseguiu observar que se tratava de dois masculinos, de estatura mediana e magros, os quais ao perceberem a sua presença pularam uma das janelas e tomaram rumo ignorado.  

Relatou ainda, que o interior da residência foi todo revirado, porém no momento não sentiu falta de nenhum objeto.

Diante do fato, a equipe fez patrulhamento nas imediações porem nenhum suspeito foi localizado.

A vítima foi orientada sobre as demais providências legais.

 

Embriaguez - Por volta das 21h00min de ontem 19 de junho, durante operação blitz, na rua Diogo Feijó, foi realizada abordagem a motocicleta HONDA/CG 125 FAN KS de cor vermelha, que era conduzida por um homem de 45 anos, onde em consulta pelo sistema SESP/INTRANET foi constatado que o condutor estava com a CNH vencida desde 2016.

Constatado ainda, que o mesmo apresentava visíveis sinais de embriaguez como arrogância, andar cambaleante, forte odor etílico.

Dessa forma foi oferecido, sem nenhum tipo de coação física ou moral, a realização do teste etilométrico, sendo contatado o valor de 0,81MG/L. dessa forma foram lavradas as notificações pertinentes ao fato.

Diante do fato a equipe deu voz de prisão ao condutor pelo ART 306 do CTB e encaminhado o autor até a 45ª DRP de Pitanga para os demais procedimentos, bem como o veículo recolhido ao pátio da sede da 3ª CIA. por débitos na documentação.

LARANJAL :

APOIO A OUTRA OPM/OBM - SEM ILICITUDE - Por volta das 16hrs do dia 19 junho, a equipe de Polícia Militar de Laranjal em apoio ao 4º pelotão Palmital, deslocou até o povoado de Chapadão na residência de um homem de 40 anos, o qual havia sido preso por porte ilegal de arma fogo e caça ilegal conforme boletim de ocorrência registrado pela equipe PM de Palmital o qual relatou a equipe de Palmital que possuía mais duas (02) armas de fogo (espingarda) as quais estariam na sua residência.

Em ato contínuo a equipe deslocou ao local onde a residência estava fechada porem foi entrada em contato com o irmão do mesmo, o qual após ciente do motivo da equipe estar no local, o mesmo acabou franqueando a entrada da equipe na casa e autorizou a busca das armas.

Porem as referidas armas não foram encontradas, diante dos fatos foi confeccionado boletim ocorrência e a equipe retornou local origem. 

Fonte: Polícia Militar

Nenhum comentário:

Postar um comentário