🔴 OUVIR PULSAR FM (CLIQUE PLAY)

sexta-feira, 10 de setembro de 2021

Criança morre após levar coice de égua de estimação na cabeça

Menina tinha égua de estimação desde 4 anos

Uma criança de 10 anos morre após sofrer um acidente com sua égua de estimação. 

Ela passeava com o animal quando ao se abaixar para pegar algo no chão, o animal se assustou e deu um coice que atingiu a cabeça da garota. 

A menina chegou a ficar internada no Hospital Universitário de Santa Maria (Husm), desde a tarde da última segunda-feira (6), quando o fato aconteceu. 

Ela não resistiu e faleceu na quarta-feira (9).

Amanda morava com os pais, João, 53 anos, e Angélica Lopes, 32, e mais três irmãos na Rua Raimundo Corrêa, no Bairro Carolina, em Santa Maria (RS). 

Apaixonada pelo tradicionalismo e praticante de rodeios, a estudante convivia com a sua égua desde os 4 anos de idade.

Como era de costume, a menina foi até o local onde a égua permanecia, perto de casa, para levá-la para pastar. 

Antes do passeio, a estudante ainda fez tranças na crina da égua, pois cuidava do animal com esmero e gostava de deixá-la sempre bonita. 

Foi ao passear com a égua que o acidente ocorreu.

Com traumatismo craniano, a menina foi levada primeiro para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA). 

Devido à gravidade do ferimento, foi transferida para o Husm, onde ficou um dia internada e não resistiu. 

“Estamos arrasados. Jamais iriamos imaginar isso’, lamenta o primo de Amanda, Leonardo da Silva Marchionni, 18 anos.

Ele diz que a prima e a égua conviviam há bastante tempo. O animal é dócil e nunca havia ocorrido nenhum incidente. 

Os dois costumavam viajar para participar de tiros de laço em municípios da região. 

“Ela adorava cavalos. Sempre estava em volta da égua”, conta o primo.

Fonte: Visor Notícias

DA REDAÇÃO/ MARIA FARIAS

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário