🔴 RÁDIO PULSAR - SUA RÁDIO CATÓLICA NO CENTRO DO PARANÁ

quarta-feira, 21 de abril de 2021

PARANÁ - Cascavel registra seis casos de raiva bovina, e Adapar alerta que animais da região precisam ser vacinados

Seis animais da área rural de Cascavel, no oeste do Paraná, morreram de raiva bovina desde março, segundo a Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar).

Os casos foram registrados na Colônia Barreiros e no Reassentamento São Francisco. Por isso, a agência orienta que animais da região devem ser vacinados.

"A vacina não é obrigatória no Paraná porque os casos são poucos. Quando aparece, é obrigatória a vacinação na área", afirmou a médica veterinária da Adapar Luciana Monteiro.

Segundo a Adapar, bovinos, equinos, ovinos e caprinos que ficam a 12 km de distância dos focos devem ser vacinados contra a raiva. 

A área abrange propriedades do município de Corbélia, também na região oeste do estado.

Além de matar o animal, a doença pode ser transmitida para humanos.

Sintomas

A doença é transmitida aos animais pela mordida do morcego.

Entre os sintomas estão o isolamento do animal, perda de apetite, salivação abundante, perda de equilíbrio, quedas e estiramento do pescoço.

Caso um animal apresente os sintomas, a Adapar orienta cuidados no manuseio de animais que apresentem sintomas, com uso de luvas compridas para que não haja contato direto com os bovinos.

A Secretaria Municipal de Saúde orienta que as pessoas que tiveram contato com a saliva de animais com suspeita ou diagnóstico confirmado da doença procurem atendimento médico para que um médico avalie a necessidade da vacinação antirrábica.

DA REDACÃO/ MARIA FARIAS

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário