sexta-feira, 25 de setembro de 2020

SEXTOU FRIGODASKO - CONHEÇA A ORIGEM DA CRACÓVIA, UM EMBUTIDO DE CARNES QUE DIFERE DE TODOS OS OUTROS SABORES

Um embutido feito com carne de porco, geralmente lombo ou pernil, temperado com alho, pimenta e sal, essa é a cracóvia. 

Ela surgiu no fim da década de 1960 em Prudentópolis, cidade  habitada em sua maioria por descendentes de ucranianos."

Segundo o que se conta sobre a sua origem, o seu inventor  almejava  inventar um embutido para ser algo diferente das salsichas, mortadelas, salames e linguiças que eram vendidos na casa à época e que agradasse seus consumidores. A criação então foi apresentada a um exigente freguês: um polonês chamado Lucas Usoski, dono de uma churrascaria. Ao prová-la, Usoski a batizou com o nome de cracóvia, em referência à cidade polonesa Kraków.

Mas não é só em sua cidade natal que o embutido é produzido atualmente nos o produto virou tradição entre os descendentes de ucranianos e muitas outras pessoas que apreciam esta iguaria.

Em Pitanga por exemplo, a Frigodasko empresa onde seus proprietários são de origem ucraniana, também produz este embutido e você pode encontrar em qualquer estabelecimento comercial que revendo produtos Frigodasko.

A cracóvia é defumada a quente, o que a deixa cozida.

É também ótima para dar mais sabores aos molhos de carne, com uma  textura macia, firme e sabor marcante da carne suína e dos temperos ela pode ser usada em qualquer receita no lugar do presunto cozido, como em lasanhas, o embutido pode entrar em diversos preparos, como recheio de pirogues e raviólis, para compor molhos de tomate com ervas ou até molho branco, no recheio de pizzas e em risotos.

Da redação/ Sandra Laciuk

Nenhum comentário:

Postar um comentário