sexta-feira, 10 de janeiro de 2020

A Receita Estadual do Paraná começa a fazer o recolhimento do IPVA no dia 23 deste mês (VEJA A TABELA )


Diferente de anos anteriores, os contribuintes não receberão o boleto em casa para efetuar o pagamento. 

A Receita também informa que não envia guias para pagamento por email.  

A medida foi adotada como parte do programa de modernização da Secretaria da Fazenda, o que vai resultar em economia de cerca de R$ 8 milhões com os gastos de impressão e envio das correspondências.  

O IPVA continua sendo pago facilmente nos sete bancos credenciados (Banco do Brasil, Itaú, Santander, Bradesco, Sicredi, Banco Rendimento e Bancoop). 

A guia de pagamento pode ser emitida no sítio da Sefa – www.fazenda.pr.gov.br, usando apenas o número do Renavan, que consta no Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV).  

O pagamento também pode ser feito diretamente nos caixas desses bancos – com exceção do Banco do Brasil, bastando apresentar o número do Renavan.  

O contribuinte pode fazer o pagamento à vista, em janeiro, com desconto de 3%, ou em até 3 parcelas, com vencimentos em janeiro, fevereiro e março.  

RECURSOS – O calendário para pagamento do IPVA começa no dia 23, quando ocorre o vencimento da primeira parcela e da parcela única para as placas que terminam com os números 1 e 2. 

A data para os finais 3 e 4 é no dia 24 e assim, sucessivamente, até o dia 29 este mês.  

O valor do IPVA lançado é de aproximadamente R$ 3,7 bilhões, dos quais 50% do valor recolhido fica com o município de licenciamento do veículo. 

Os recursos do imposto são aplicados em áreas prioritárias do governo, como educação, saúde e segurança.  

O IPVA é calculado com base no valor do veículo, e sua quitação é requisito obrigatório para emissão certificado de licenciamento de veículo pelo DETRAN/PR.
DA REDAÇÃO/ MARIA FARIAS



Nenhum comentário:

Postar um comentário