segunda-feira, 18 de novembro de 2019

PAPA FRANCISCO CELEBROU O DIA MUNDIAL DOS POBRES ALMOÇANDO COM 1500 MORADORES DE RUA

Neste último domingo (17), foi celebrado o terceiro “Dia Mundial dos Pobres”, uma data instituída pelo Papa Francisco ao final do Jubileu da Misericórdia.

E neste domingo o mundo pode mais uma vez presenciar um dos maiores sublimes gestos realizados pelo maior Líder da Igreja, o Papa Francisco almoçou com 1500 moradores de rua, o cardápio foi servido na sala de audiências do vaticano, o qual incluiu lasanha, frango com molho de cogumelos, batatas, doces, frutas e café.

Os convidados, que almoçaram com o Pontífice foram levados, por voluntários de grupos de caridade que sempre estão ajudando eles.

Na semana passada, foi instalada uma Clínica Móvel na Praça São Pedro, onde médicos voluntários atenderam gratuitamente aos pobres, durante toda a semana.

Antes deste almoço, o Papa realizou uma Missa Pelos Necessitados na Praça São Pedro, onde em sua Homilia Francisco se dirigiu as pessoas que tem melhor situação, pedindo que estas não se “irritem” com os pobres, e sim que ajudem o máximo que puderem, e ainda instigou com um questionamento, onde ele chamou a atenção dirigida para todos os cristãos, dizendo que todos nós devemos nos questionar. Será que EU Cristão tenho pelo menos uma pessoa pobre como amiga?

Papa Francisco também criticou a indiferença da sociedade aos mais desfavorecidos.

“Meus pensamentos vão para aqueles que promovem iniciativas de solidariedade para dar esperança concreta aos mais desfavorecidos”, disse o Santo Padre na praça São Pedro, antes do almoço e disse ainda: “a ganância de algumas pessoas ricas estão agravando o sofrimento dos pobres”.

Esta atitude do Papa e o exemplo seguido por ele do que Jesus fazia quando estava no mundo, e nos chama a atenção para que possamos fazer o mesmo, a exemplo do que o maior mestre de todos fazia.

Da redação/ Sandra Laciuk


Nenhum comentário:

Postar um comentário


Ouça a Impactus FM