domingo, 1 de setembro de 2019

Professor é morto por aluno dentro de escola no Entorno do DF


Mais um caso de violência chocou a comunidade de Águas Lindas (GO) na tarde desta sexta-feira (30/08/2019). 

Um aluno matou um professor, identificado como Bruno Pires de Oliveira, 41 anos, dentro da Escola Municipal Machado de Assis. Advertido pelo educador, o jovem deixou o local e voltou com uma faca.

O docente tentou fugir, mas foi golpeado pelo estudante. A vítima chegou a ser socorrida no hospital Bom Jesus, no mesmo município, mas não resistiu aos ferimentos e morreu pouco tempo depois de dar entrada na unidade de saúde. A lâmina havia perfurado o fígado da vítima.

O caso aconteceu por volta do meio-dia. O aluno acusado de ter desferido os golpes no professor estava foragido até a última atualização desta reportagem.

Segundo a Polícia Civil de Goiás, o Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Águas Lindas investiga o caso. 

Ainda de acordo com os investigadores, o suspeito é um aluno do 9º ano, de 18 anos, que fugiu em uma moto.

Após o crime, o prédio foi evacuado, e as aulas, suspensas. Apenas diretores e coordenadores de curso puderam ficar dentro do colégio. 

Kris Cleyton Araújo, coordenador-geral de educação do município, esteve no local assim que foi informado do assassinato.

Ao Metrópoles, a regional de ensino de Goiás informou a possível motivação do crime. 

Bruno teria impedido o adolescente de praticar determinadas atividades físicas, devido a um problema cardíaco relatado no prontuário do rapaz. 

Contrariado, o jovem atacou o professor, que era coordenador pedagógico da escola. Este é o segundo caso de violência em unidades de ensino do Entorno do DF só em 2019. 

Outro Caso a Tempos atrás

Em abril, um professor do Colégio Estadual Céu Azul, em Valparaíso (GO), foi baleado dentro da escola. 

O caso aconteceu durante o horário de aula, por volta das 15h. Julio César Barroso de Sousa, 41 anos, era, além de docente, coordenador da instituição. 

A Polícia Militar, o Serviço de Atendimento Móvel de Emergência (Samu) e o Corpo de Bombeiros foram acionados, mas Júlio não resistiu e morreu no local.
Da Redação/ Maria Farias

Fonte: Metropóles


Nenhum comentário:

Postar um comentário


Ouça a Impactus FM