segunda-feira, 27 de maio de 2019

Adolescente de 14 anos morre em grave acidente de trânsito na PR-323 em Cruzeiro do Oeste


Uma adolescente de 14 anos, Lays Silva, morreu na noite de sábado (25) após ser vítima de um grave acidente de trânsito na PR-323, no km 276 da rodovia, próximo a Cruzeiro do Oeste. 

De acordo com as informações da Polícia Rodoviária Estadual de Cruzeiro do Oeste, a colisão teria acontecido por volta das 22h00, envolvendo dois carros e uma carreta. 

Além de Lays, que veio a falecer, mais quatro pessoas foram encaminhadas ao hospital de plantão em Umuarama (Uopeccan) e para o hospital municipal de Cruzeiro do Oeste. 

Duas estavam em estado grave, entre elas, a mãe da adolescente. Em princípio, as vítimas do acidente são moradoras de Cruzeiro do Oeste. 

Conforme a Polícia Rodoviária, o acidente teria acontecido quando a condutora do veículo Ford Fiesta, de cor cinza, foi ultrapassar um carro Fox, que seguia sentido Umuarama a Cruzeiro do Oeste. 

Ao ultrapassar o automóvel, o motorista do Fiesta teria cruzado na frente do condutor do Fox, ocasionando uma batida transversal entre os carros. 

Em um ato contínuo à colisão, uma carreta que vinha no sentido contrário dos veículos também teria atingido o Fiesta. 

Com o impacto da batida, alguns passageiros do Fiesta foram ejetados para fora do carro e sofreram ferimentos graves. De acordo com um familiar da mãe de Lays, Willian Lage, as pessoas que estavam no Fiesta teriam acabado de sair da igreja Assembleia de Deus, em Cruzeiro do Oeste. 

Todas as pessoas do carro ficaram feridas. Já o motorista e o passageiro do Fox, que eram de Umuarama não tiveram ferimentos, assim como o condutor da carreta Scania. 

A Polícia Rodoviária fez o teste do bafômetro nos motoristas do Fox e da carreta e não constatou a presença de álcool no sangue em nenhum deles. 

No entanto, a PRE constatou que o veículo Fiesta estava com um débito de R$ 6 mil, o que fez com o que carro fosse recolhido e encaminhado ao pátio da PRE de Cruzeiro do Oeste. 

As identidades das outras vítimas não foram repassadas pelo Corpo de Bombeiros, nem pela Polícia Rodoviária Estadual.


Da Redação/Maria Farias

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Ouça a Impactus FM