quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Perseguição policial, tiroteio e morte em sequestro de ex-prefeito de Araucária

O ex-prefeito de Araucária Olizandro José Ferreira e sua família viveram momentos de terror na noite desta quarta-feira (24) ao serem feitos reféns durante um sequestro em sua chácara no bairro Butiatuvinha em Araucária na Região Metropolitana de Curitiba.

Cinco bandidos fortemente armados e com coletes balísticos invadiram a chácara e renderam o prefeito, sua esposa e sua filha que estavam no local. 

Os familiares foram colocados no carro da filha. Logo em seguida a Polícia Militar recebeu informações sobre um assalto na chácara e ao chegar no local foi recebida a tiros pelos marginais. 

Eles fugiram em uma Fiorino a qual um dos marginais utilizou para atropelar um policial militar em um carro da filha do prefeito.

A Fiorino foi abandonada logo em seguida e o marginal que a conduzia conseguiu fugir. 

Já o carro da filha do ex-prefeito fugiu pela Rodovia do Xisto e próximo a região central da cidade acabou tendo um dos pneus furados.  

Eles abandonaram o carro e correram para uma mata. Houve um intenso tiroteio no local.

Um dos marginais que estaria de colete balístico acabou morrendo no confronto. Um outro sequestrador foi baleado no pé e outro preso pelos policiais logo em seguida.

A polícia está à procura de mais dois integrantes da quadrilha que até o momento não foram localizados.

O ex-prefeito de Araucária não ficou ferido na ação.  A filha e esposa também saíram ilesas mas estavam muito assustadas com tudo que viveram nas mãos dos marginais.

Eles foram encaminhados para a Companhia da Polícia para confecção do boletim de ocorrência.

O policial militar atropelado acabou sofrendo uma fratura na perna e foi encaminhado ao Hospital Municipal de Araucária onde segue sem risco de morte.

Já o marginal baleado no pé após receber alta deve ser encaminhado para a delegacia.

O morto no confronto até o momento não foi identificado.
Da Redação/Maria Farias



Nenhum comentário:

Postar um comentário