AGORA AO VIVO - IMPACTUS FM - A NOVA ONDA DE PITANGA

quinta-feira, 30 de agosto de 2018

Polícia Civil esclarece morte de homem carbonizado e prende três em Campo Mourão

O assassinato de José Marco Cunha, de 52 anos, morto a facadas e que teve o corpo queimados pelos criminosos já foi esclarecido pela Polícia Civil. 

O cadáver, que ainda queimava em meio a uma plantação de trigo, próximo à Usina Mourão, foi localizado ontem por um agricultor que mora nas proximidades.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), que constatou sinais de facadas.

A camioneta da vítima, uma Chevrolet S-10 também foi localizada capotada às margens do anel viário. 

Três pessoas foram presas suspeitas do crime, entre elas um menor.

O delegado-chefe da 16ª Subdivisão Policial de Campo Mourão Gustavo Pinho Alves, disse que Marco Cunha foi vítima de latrocínio. 

Ao serem detidos, eles confessaram que conheciam a vítima e que o chamaram para ir à casa de um deles (uma quitinete no centro da cidade), onde o mesmo levou uma garrafa de vodka e refrigerante. 

Após beberem, houve um desentendimento e um deles agrediu a vítima com socos. Em seguida desferiu as facadas, disse o delegado.

Depois do crime, o corpo foi enrolado em um cobertor e levado até as proximidades da Usina, onde atearam fogo. 

A intenção dos três envolvidos no crime, segundo o delegado era levar a camioneta ao Paraguai para trocá-la por armas, mas quando passavam pelo anel viário acabaram capotando o veículo.

A equipe de investigadores da 16ª SDP agiu rápido, conferindo imagens de câmeras de segurança e os três envolvidos, de 17, 18 e 19 anos, acabaram presos ainda ontem.
Da Redação/Maria Farias

Nenhum comentário:

Postar um comentário